ONDE MORA A ALMA DE UM POETA



O Poeta tem um mundo totalmente seu,
mas que é também meu.
O Poeta sonha, encanta e até assusta.
O Poeta ama com loucura e com gratidão,
o poeta sofre com tamanha sensação.
Sua alma vive em todos os lugares,
nas folhas de um caderno,
nas folhas de uma árvore,
nas pétalas de uma flor,
no sorriso de alguém e no seu choro também.
No sol raiando o dia, na lua transformando a noite.
Sua alma com toda delicadeza observa cada beleza.
E onde mora a alma de um poeta?
Mora em um lugar chamado coração,
que sem grande intenção, cativas o mundo com a mais pura e
divina emoção.

Tânia Faria.