UM TESÃO



Não posso deter,
meus olhos fitando você.
É quase sem querer,
como um ímã me puxando.
Imaginando teu gosto,
saboreando teu corpo.
Um tesão quase incontrolável,
só de olhar pra teus lábios.
Uma febre que toma conta de minha alma.
Uma inquietude em minha imaginação,
acelerando meu pobre e assanhado coração.

Tânia Faria