VOLTAS QUE A VIDA DÁ



Parecia um sonho,
que rápido se tornou pesadelo.
Meu chão não existia mais,
como se houvesse partes de mim jogado ao vento.
Mas este vento que um dia me lançou,
hoje me abraçou.
A vida andou,
eu superei,
acordei e renovei.
Não foi fácil,
caminhos cheios de embaraços,
mas soltei o laço.
Sobrevivi e compreendi,
voltei à sorrir.
Hoje, minha vida é tudo o que eu pedi.
São apenas voltas que a vida dá.
E mesmo que sem imaginar,
um dia a dor vai passar e
voltamos à sonhar.
Tens que acreditar,
pois a vida sempre acaba à caprichar...

Tânia Faria.